Feeds:
Posts
Comentários

Archive for maio \29\+00:00 2009

Aventuras da Família Brasil (1), upload feito originalmente por danielbacchieri.

Eu e o Pai da Família (Beto Mônaco).

Minha participação especial na série rola neste sábado, às 12h20, na RBS TV.

As divertidas tiras de Luis Fernando Verissimo, Aventuras da Família Brasil é a nova produção de ficção do Núcleo de Especiais da RBS TV.

Os atores Nadya Mendes (Mãe), Beto Mônaco (Pai), Miriã Possani (Filha), Felipe de Paula (Boca), Samuel Reginatto (Filho) e Arthur Quadros (Neto) dão vida aos irreverentes personagens desta típica família brasileira.

Os roteiros são de Daniel Laimer, Luis Mario Fontoura, Márcia Pavek e Moisés Westphalen, sob coordenação de Giba Assis Brasil. A direção é de Márcio Schoenardie. A produção é da Casa de Cinema.

Aventuras da Família Brasil tem direção geral de Gilberto Perin e coordenação de produção de Nice Sordi.

Read Full Post »

PLATÃO DOIS EM UM, upload feito originalmente por danielbacchieri.

PLATÃO DOIS EM UM, com direção de Luciano Alabarse, uma das aguardadas estréias teatrais do ano, já tem data para estrear: dia 04 de junho, no Theatro São Pedro.

O projeto, um mergulho teatral na obra de grande filósofo grego, é constituído por dois espetáculos independentes um do outro: Górgias: discurso sobre a retórica e O banquete, que podem ser assistidos no mesmo dia, pelo preço de uma única entrada.

A temporada será de 4 a 14 de junho e os ingressos estão à venda nas bilheterias do Theatro São Pedro.

PLATÃO DOIS EM UM:

De 04 a 14 de Junho de 2009

Theatro São Pedro – Praça Marechal Deodoro, s/n

Horário – Górgias: de quintas a sábados, às 19h; Domingos às 18h

O Banquete: de quintas a sábados, às 21h; Domingos, às 20h

Ingressos para as duas peças:

R$ 30,00 (platéia); R$ 25,00 (camarote central); R$ 20,00 (camarote lateral) e R$ 10,00 (galerias)

20% de desconto para titular e acompanhante do Clube do Assinante ZH

É isso mesmo: um único ingresso, dá direito a assistir, desde que no mesmo dia, os dois espetáculos. A produção avisa que haverá um intervalo de meia-hora entre as duas peças.

Informações para a imprensa:

Bebê Baumgarten/ BD Divulgação
(51) 3028.4201 / 8111.8703 / 7814.2244
Nextel – ID 84*39184
bebebaumgarten@terra.com.br

Read Full Post »

ÉDIPO, espetáculo teatral dirigido por Luciano Alabarse.

Theatro São Pedro, Porto Alegre, RS, Brasil.

8 de junho de 2008.

foto: Julio Appel

Read Full Post »

ÉDIPO, espetáculo teatral dirigido por Luciano Alabarse.

Centro Cenotécnico, Porto Alegre, RS, Brasil.

9 de abril de 2008.

foto: Julio Appel

Read Full Post »

ÉDIPO, espetáculo teatral dirigido por Luciano Alabarse.

Theatro São Pedro, Porto Alegre, RS, Brasil.

28 de maio de 2008.

foto: Julio Appel

Read Full Post »

ÉDIPO, espetáculo teatral dirigido por Luciano Alabarse.

Theatro São Pedro, Porto Alegre, RS, Brasil.

14 de maio de 2008.

foto: Julio Appel

Read Full Post »

A temporada 2009 do CONEXÃO CONVERSE dá o seu pontapé inicial com 4 nomes marcantes do rock: The Who, Black Sabbath, The Doors e Kurt Cobain, a mente e voz do Nirvana. E suas trajetórias são dissecadas por fãs, músicos e jornalistas, justificando a escolha da Converse em lançar uma coleção dedicada especialmente aos grandes nomes do rock.

O especial inclui imagens pesquisadas sobre as 4 bandas*, além dos depoimentos de Tuba Caruso, baterista da banda Faichecleres, Pedro Jansen, colunista do YAHOO! POSTS e responsável pelo blog www.aidoutorquedor.wordpress.com, do publicitário Frede Taques, fã inveterado do The Doors, e de André ‘CARDOSO‘ Czarnobai, jornalista, blogueiro (www.qualquer.org) e consultor criativo de agências como Box1824, LiveAd e Mínima.

Agradecimento especial a Marquise 51 Produtora, que cedeu o prédio em Porto Alegre para a realização da entrevista com o baterista Tuba Caruso, da banda Faichecleres.

O programa é uma produção da Estação Elétrica Filme e Vídeo, em parceria com a agência de publicidade GlobalComm. Direção de Daniel Bacchieri e fotografia de Leonardo Maestrelli, com edição de Tiago Carnevale.

Tudo isso em drops disponíveis no endereço www.converseallstar.com.br/connection.

*Imagens extraídas da internet e dos seguintes documentários:

Who’s Better, Who’s Best: The Videos (1988), Geffen Records
The Black Sabbath Story Vol. 1 (1992), Sanctuary Records
The Doors – The 30th Anniversary Collection (2004), Universal Studios
HYPE! (1995), Republic Pictures
Classic Albums – Nirvana: Nevermind (2005), Eagle Rock Entertainment

Read Full Post »

SubPop #1 – sábado – 23/05 no Sótão – POA, upload feito originalmente por danielbacchieri.

Porto Alegre ganha nova festa de rock!

O mês de maio marca a estreia da SUB POP, a mais nova festa mensal de Porto Alegre. Sediada no Sótão, na Cidade Baixa, a primeira edição da SUB POP acontece no dia 23/05, a partir das 23 horas, apostando naquilo que é comum a todos nós, e que anda tão esquecido e empoeirado: a paixão pelos HITS do bom e velho rock.

E é por isso que a festa nasce com uma proposta diferente de tudo que temos acompanhado por aí na noite porto-alegrense: tocar aquilo que todos ouvimos aqui e acolá, há tempos ou recentemente, e que nos faz mexer o pé, batucar a mão no joelho, balançar a cabeça assoviando os refrões que marcaram a vida de muita gente.

Os residentes Rubim e Jamer – acompanhados de convidados escolhidos ‘a dedo’ para cada edição da festa – comandam a discotecagem equilibrando boas doses de rock, indie, britpop, glam, new wave, pop e punk, pra ninguém ficar parado. Para esta edição première da SUB POP os convidados são Daniel Bacchieri e Maurício Krebs.

Rafael Rubim é Produtor Cultural e Song Seeker. Produziu shows de bandas como Ultramen, Mundo Livre S.A., Nação Zumbi e Los Hermanos, além de bandas independentes do cenário nacional. Costuma caminhar escutando Supergrass, Pixies, R.E.M., Iggy Pop, NIN, Pearl Jam e Mudhoney.

Jamer Mello é químico, fanzineiro e apreciador da cultura indie. Discotecou diversas vezes no DCE da UFSM, no bar Macondo, e no antigo Bar-in-Bar, em Santa Maria. Coleciona fanzines, K7’s e CD’s. Passa a maior parte do tempo ouvindo Pixies, Bowie, Sonic Youth, Flaming Lips, Pavement, Beck, Jesus and Mary Chain, Blur e Smiths.

Bacchieri é ator e jornalista. Possui uma influência de correntes sonoras que vão desde o som dos anos 90, encabeçado por RHCP, Pixies e Jane’s Addiction, passando pela cena grunge. Tom Waits e Nick Cave fecham a camada de misturas, ao lado do brit-rock dos anos 60 (Beatles, Stones, Kinks) e do jazz de Miles e Coltrane.

Maurício comanda as pick-ups numa viagem sub-pop pelo hard-rock tardio, grunge e garage. Guitarreira! De Black Crowes a Faith No More, de My Bloody Valentine a Kula Shaker, de Nirvana a Walverdes, de Reverend Horton Heat a Sonic Youth.

A SUB POP é uma festa de rock 90’s e suas vertentes, mas também abre espaço para 80’s e o rock atual, o novo e o velho, a influência e o influenciado, pra quem gosta de música boa, pra dançar e cantar na pista, como se fosse o seu quarto ou o seu banheiro, como se fosse o último dia de festa de nossas vidas.

Então prepare o allstar e venha cantarolar os refrões pegajosos dos bons hits eternos e consagrados.


SERVIÇO:


O quê:
Estreia da festa mensal SUB POP, com discotecagem 90’s, indie e rock, dos residentes Rubim e Jamer, acompanhados dos convidados Daniel Bacchieri e Maurício Krebs.
Quando:
Sábado, 23 de maio.

Onde: Sótão – Rua João Alfredo, 383, Cidade Baixa.

Horário: 23 horas.

Quanto: R$15,00 e R$10,00 com o nome na lista [festasubpop@gmail.com].

Contato: Rafael Rubim (51-9968-8675).

Read Full Post »

Platão dois em um, com direção de Luciano Alabarse, uma das aguardadas estréias teatrais do ano, já tem data para estrear: dia 04 de junho, no Theatro São Pedro. O projeto, um mergulho teatral na obra de grande filósofo grego, é constituído por dois espetáculos independentes um do outro: Górgias: discurso sobre a retórica e O banquete, que podem ser assistidos no mesmo dia, pelo preço de uma única entrada. A temporada será de 4 a 14 de junho e os ingressos estão à venda nas bilheterias do Theatro São Pedro.

Os dois espetáculos

O primeiro espetáculo de Platão dois em um é Górgias: discurso sobre a retórica, adaptação do diretor Luciano Alabarse para alguns dos principais diálogos do autor (Górgias/ Fedro/ Eutidemo/ Protágoras), que serve como uma introdução para o público não familiarizado com a obra de Platão. O segundo, O banquete, adaptação de Donaldo Schüller, toma por base um dos mais célebres textos da filosofia platônica, cujo tema é o amor (Eros). Em comum a ambos, o humor ferino, a inteligência incomum e a genialidade singular que faz de Platão, ainda hoje, um dos principais nomes da filosofia e da literatura ocidental de todos os tempos.

Platão: vida e contexto cultural

Platão nasceu em 428 a.C., em Atenas, e morreu em 347 a.C. viveu, portanto, no chamado “século de ouro” da cultura grega. Vale lembrar que não existia um “país” ou “nação” gregos. Existiam as várias cidades, como Atenas, Esparta, Tebas, etc., que se viam como um povo único, sobretudo em virtude da língua que lhe era comum, o grego, falado em diversos dialetos. Chamavam “bárbaros” os que não falavam essa língua. A palavra grega que se traduz por cidade é “polis”, de onde se originam termos como “política”. É frequente, nas traduções dessa palavra, usar a expressão “cidade-estado”, justamente para destacar o fato de que cada uma dessas cidades tinha autonomia total umas em relação às outras.

Quando Platão nasce, são comuns por toda a Grécia os festivais de peças de teatro, com as grandes tragédias de Ésquilo, Sófocles e Eurípedes. Toda essa riqueza cultural estava intimamente associada a uma outra novidade: o surgimento da democracia. Foi certamente esse o principal motivo para que as antigas tradições religiosas fossem repensadas e o homem passasse a olhar para o divino com olhos mais críticos e independentes. Voltando-se para o problema da vida em comunidade, o homem grego inventou a reflexão política.

A retórica, como arte de bem utilizar o discurso persuasivo, ganhou importância especial, porque não se pode ser um cidadão influente e fazer carreira política sem o domínio das formas de persuasão pela palavra. É nesse contexto que Platão irá produzir toda a sua obra.

Sobre as adaptações

Alabarse afirma que os dois espetáculos são cenicamente muito diferentes e, ao mesmo tempo, complementares. O primeiro é seco, realista, calcado exclusivamente na interpretação do elenco, com luz e cenário fixos, sem trilha sonora, cujo eixo tem as idéias de Platão como centro único de sua concepção. Já O banquete caminha em outra direção cênica. A adaptação de Donaldo Schüller é excepcional, segundo Luciano, e leva o segundo espetáculo ao oposto do primeiro: delirante, musical, prolixo e bem-humorado, a partir da adaptação inspirada em Jacques Lacan.

Na série de diálogos que documentam a evolução de uma teoria platônica sobre o amor, O banquete ocupa um lugar central, e é desenvolvido para provar que o amor ao bem não é senão uma conseqüência do instinto de imortalidade que os homens vivem em maior ou menor grau. A obra testemunha, em pleno século IV a.C., o desenvolvimento de um gênero literário denominado “simpósio”. Esses encontros compreendiam duas partes: o jantar propriamente dito e a hora da bebida, isto é, o momento em que os convidados escolhiam um tema único para ocupar o seu tempo. A passagem do jantar à bebida era acompanhada de libações, preces e cânticos. Era costume que o dono da casa proporcionasse aos presentes, números musicais e divertimentos, que não raro terminavam em orgia. Em O banquete platônico é aceita a proposta de beber moderadamente, o que não é usual nessas reuniões. A razão é que os convivas no dia anterior já haviam se reunido e estavam saciados, tanto de bebidas como de divertimentos.

O elenco

A montagem reunirá no palco do Theatro São Pedro alguns dos mais talentosos atores em atividade no Rio Grande do Sul, garantia de excelentes interpretações: Luiz Paulo Vasconcellos, José Baldissera, Marcelo Adams, Vika Schabbach, Carlos Cunha Filho, Alexandre Magalhães e Silva, Lutti Pereira e Marcos Contreras, com a participação especial de Sandra Dani. Lado a lado com esse time excepcional, Luciano apresenta uma nova geração de talentos locais, que surpreenderão o público: Rafael Mentges, Fernando Zugno, Eduardo Steinmetz, Rodrigo Fiatt, Fabrizio Gorziza, Daniel Bacchieri, Lê Souza e Vinicius Meneguzzi.

A equipe

Os principais colaboradores cênicos de Alabarse mais uma vez assinam a criação dos diferentes elementos da encenação: Sylvia Moreira (cenário), Rô Cortinhas (figurinos), Cláudia de Bem e Maurício Moura (iluminação) e Moysés Lopes (direção musical). Cada detalhe da encenação está sendo milimetricamente preparado para oferecer ao público mais uma produção teatral com refinamento e qualidade.

FICHA TÉCNICA

Górgias ou Discurso sobre a retórica

Elenco: Marcelo Adams, Marcos Contreras, Lutti Pereira, Alexandre Magalhães e Silva, Fernando Zugno, Rafael Mentges, Fabrizio Gorziza, Vinicius Meneguzzi, Daniel Bacchieri, Eduardo Steinmetz, Lê Souza e Rodrigo Fiatt

O Banquete

Elenco: Luiz Paulo Vasconcellos, Vika Schabbach, José Baldissera, Carlos Cunha Filho, Mauro Soares, Lutti Pereira, Marcos Contreras, Marcelo Adams, Rodrigo Fiatt, Lê Souza, Alexandre Magalhães e Silva e Sandra Dani

Plato’s boys: Fabrizio Gorziza, Eduardo Steinmetz, Rafael Mentges, Daniel Bacchieri, Vinicius Meneguzzi e Fernando Zugno

Sonoros meliantes:

Moisés Lopes – direção musical

Margarida Leoni Peixoto – voz

Tiago Rinaldi – voz

Platão Dois em um

Direção…………………………………………………Luciano Alabarse

Cenário…………………………………………………Sylvia Moreira

Figurino………………………………………………..Rô Cortinhas

Iluminação…………………………………………….Cláudia de Bem e Maurício Moura

Trilha sonora…………………………………………Luciano Alabarse

Direção musical……………………………………..Moysés Lopes

Produção executiva………………………………..Miguel Arcanjo e Fernando Zugno

Pinturas………………………………………………..Adalberto Almeida

Divulgação…………………………………………….Bebê Baumgarten/ BD Divulgação

Construção cenário…………………………………Artenova ( Paulão & Equipe )

Computação gráfica………………………………..Moisés Gautama Falk/ Vivian Bensimon

Design gráfico………………………………………..Fernando Zugno

Fotos……………………………………………………Júlio Appel

Coordenação de produção……………………….Luciano Alabarse

Platão dois em um

De 04 a 14 de Junho de 2009

Theatro São Pedro – Praça Marechal Deodoro, s/n

Horário – Górgias: de quintas a sábados, às 19h; Domingos às 18h

O Banquete: de quintas a sábados, às 21h; Domingos, às 20h

Ingressos para as duas peças:

R$ 30,00 (platéia); R$ 25,00 (camarote central); R$ 20,00 (camarote lateral) e R$ 10,00 (galerias)

20% de desconto para titular e acompanhante do Clube do Assinante ZH

É isso mesmo: um único ingresso, dá direito a assistir, desde que no mesmo dia, os dois espetáculos. A produção avisa que haverá um intervalo de meia-hora entre as duas peças.

Informações para a imprensa:

Bebê Baumgarten/ BD Divulgação
(51) 3028.4201 / 8111.8703 / 7814.2244
Nextel – ID 84*39184
bebebaumgarten@terra.com.br

Read Full Post »

Trecho do espetáculo teatral ÉDIPO, dirigido por Luciano Alabarse.

Material captado em 14 de junho de 2008, no Theatro São Pedro, em Porto Alegre.

Gravado por Daniel Jainechine.

Coro: Rafael Mentges, Thales de Oliveira, Fabrizio Gorziza, Daniel Bacchieri, Eduardo Steinmetz, Fernando Zugno, Lê Souza e Tito Ravaglia.

Read Full Post »

Older Posts »